Amados gatos - todo o mundo os ama - excepto quem tiver um coração insensível ou não os entenda. Eis a minha contribuição e apreço para essas maravilhosas criaturas de Deus. Bem hajam, queridos bichanos!

09
Jan 12

Jardim Jeitinho de Saudade...
(À Doce Lembrança da "Branquinha"!)

Aos pouquinhos, ai, vê: fui construindo
Jardinzinho que n'Alma arquitetei...
Entusiasmado, sim - e assim sorrindo
Singelas flores escolhi - e plantei!

Com sacrifício, a casa reformei
Para a Família: humanos e animais!
Nem Sonhava mais, mas teimei: Sonhei
Pensei não ser - então - tarde demais!

Ah, o meu jardim parou - que tanto Amei...
Enquanto escrevo... a Dor me consumindo
Mas quem se importa com meus fundos ais?

Aleatório este jardim que comecei...
Para mimar-me as flores vão se abrindo:
Mas minha "Kika" eu não mimo mais!

Plantar mais flores, Deus, eu não consigo...
Saudade: única Flor que ao peito abrigo!
-----------------------------
J.J. Oliveira Gonçalves
Porto Alegre, 09 de janeiro
www.cappaz.com.br  

LauraBM às 23:16
TAGS - TEMAS DO BLOG «clique em cima»:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


HOMENAGEM AO GATO

Homenagem ao mais belo e versátil animal doméstico

que JAMAIS será domesticado.

O paraíso JAMAIS será paraíso

a não ser que os meus gatos estejam lá, esperando-me.

arquivos
mais sobre mim
subscrever feeds
pesquisar neste blog